OPINIÃO: ‘Plano P’ a caminho; o resgate da candidatura do PSDB

 




                                              

Deputado federal é a aposta dos tucanos para sustentar oposição e substituir Romero Rodrigues

O PSDB da Paraíba apenas cumpre formalmente o script de apoio ao que já não existe mais na prática: a candidatura de Romero Rodrigues ao governo.

Sem o ex-prefeito, os tucanos voltam à estaca zero. Aliás, voltam ao original que este Blog batizou de ‘Plano P’, um projeto que não vingou em 2018, mas ficou em aberto para 2022.

Desde a eleição passada, a candidatura do jovem deputado Pedro Cunha Lima esteve no vento das possibilidades. Em 2021, ela soprou de novo, mas amainou, mais uma vez, com a inserção de Romero no processo.

Há tempos, o parlamentar faz discurso de quem mira na majoritária. Abre debate sobre temas próprios da estrutura estadual e suscita mudanças de concepção administrativa. São mensagens.

Na atual pré-campanha, diante da ambiguidade de candidaturas pela oposição e da vantagem eleitoral e conjuntural de Romero, por estratégia o PSDB retirou o “Plano P” de cena para oferecer sustentação às pretensões do ex-prefeito de Campina Grande.

Na pior das hipóteses, estava depositando a perspectiva de reciprocidade do presidente estadual do PSD, em caso de inviabilidade ou desistência.

A segunda hipótese aconteceu, só que a premissa não ressoou o eco esperado; Romero desistiu, mas, diferente do desejado, deve consolidar aliança com o governador João Azevêdo. Esperava-se tudo, menos isso.

Diante do novo e inesperado cenário, o ‘Plano P’ será resgatado em sua concepção original. Na verdade, nunca foi totalmente arquivado.


Fonte: https://heroncid.maispb.com.br/

Share to Facebook Share to Twitter Share to LinkedinStumble It Share to Google Buzz Mais...

veja também

0 comentários em: "OPINIÃO: ‘Plano P’ a caminho; o resgate da candidatura do PSDB "

Deixe um comentário!

Publicidade how to make gifs

Últimas Notícias

Todos os direitos reservados.