Estado anuncia ações para o enfrentamento da crise hídrica no Brejo

Construção de adutora e perfuração de poços estão entre as medidas a serem executadas pelo governo




                                                     

Reservatório Canafístula está com apenas 2% de sua capacidade (Foto: Divulgação/Cagepa)


O governador João Azevêdo anunciou, nessa segunda-feira (6), as medidas que serão adotadas no enfrentamento da crise hídrica que afeta a região do Brejo paraibano, a exemplo da construção de adutora, distribuição de caixas d’água, perfuração de poços e instalação de bombas. 

Leia também:

“O regime de chuvas no Brejo era mais regular, mas, infelizmente, isso não está ocorrendo por conta das mudanças climáticas, mas estamos com um conjunto de obras de curto, médio e longo prazos. Nós traremos para o Brejo uma adutora que sairá de Campina Grande até Esperança e Remígio, levando até a estação de tratamento de Camará, trazendo água do São Francisco para a região. Estamos atentos e tomando as providências”, assegurou o gestor. 

O presidente da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa), Marcus Vinícius Neves, detalhou as principais ações para garantir água de qualidade e gratuita à população.

“Todas as cidades que estão em racionamento grave ou colapso contam com caixas d’água nas suas zonas urbanas, visando o abastecimento de qualidade pelos carros-pipa. Nós já ampliamos os pontos de abastecimento em várias estações de tratamento que disponibilizamos de água, conversado com os municípios para termos as menores distâncias de transporte, aumentando a quantidade de carros que já foram identificados e cadastrados”, pontuou. 
 
Ele explicou que, a partir de Jacaraú, a Cagepa atende os municípios Lagoa de Dentro, Serra da Raiz, Duas Estradas, Caiçara e outras cidades. Já os pontos de abastecimento de Cuitegi e Araçagi foram ampliados. Além disso, foram iniciados os serviços de construção de uma adutora emergencial para contemplar os municípios de Pirpirituba, Lagoa de Dentro, Serra da Raiz, Sertãozinho e Duas Estradas. 
 
“A região de Guarabira não será afetada porque ampliamos a capacidade de transporte e tratamento da adutora de Araçagi, estamos em obras com a adutora que vem de Cuitegi e de lá sairemos com 11 km para chegar perto da estação de tratamento de Pirpirituba e seguir para outras cidades, restabelecendo o sistema em outras cidades”, acrescentou.
 
Por sua vez, o governador João Azevêdo ainda reforçou o esforço do Estado para garantir a segurança hídrica dos municípios paraibanos. “Nós estamos montando o processo de licitação para a grande adutora do Cariri, que irá captar água do São Francisco e levar para a região do Cariri e chegar até Taperoá e Junco do Seridó. Também estamos retomando a adutora do Curimataú, que irá beneficiar uma parte dos municípios do Brejo. Essas serão adutoras com mais de 350 km, cada uma, beneficiando as regiões que mais sofrem com a falta de água”, finalizou.

Fonte: https://portalcorreio.com.br/

Share to Facebook Share to Twitter Share to LinkedinStumble It Share to Google Buzz Mais...

veja também

0 comentários em: "Estado anuncia ações para o enfrentamento da crise hídrica no Brejo"

Deixe um comentário!

Publicidade how to make gifs

Últimas Notícias

Todos os direitos reservados.