Geração de emprego nos pequenos negócios cresce 40% e Eduardo defende incentivos para setor








Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) mostram que os pequenos negócios na Paraíba geraram um total de 8.976 empregos entre os meses de janeiro e dezembro de 2019. O número é 40% maior que o registrado no mesmo período de 2018, quando as micro e pequenas empresas geraram um total de 6.376 vagas no estado. Para o deputado estadual e presidente da Frente Parlamentar de Empreendedorismo e Desenvolvimento Econômico da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Eduardo Carneiro (PRTB), é preciso garantir mais incentivos para que o setor possa gerar ainda mais postos de trabalho.
Segundo dados do Caged, no ano de 2019 os setores que mais geraram empregos nos pequenos negócios na Paraíba foram o de serviços, com 5.602 empregos gerados entre janeiro e dezembro, e o de comércio, com 1.930 vagas no mesmo período, seguido ainda pelo setor da agropecuária, que foi responsável por 1.331 oportunidades nas MPE durante o ano.
Para o deputado, o desempenho dos pequenos negócios na geração de vagas de trabalho mostram a importância das micro e pequenas empresas para a economia do país. “Temos um trabalho intenso no Estado com Frente Parlamentar de Empreendedorismo e Desenvolvimento Econômico e vamos intensificar ainda mais para garantir que surjam novos empreendimentos em todos os municípios. Nossa meta é intensificar ainda mais o diálogo com o setor produtivo, mapeando as potencialidades da nossa Paraíba e garantindo novos incentivos”, destacou Eduardo.
O deputado lembrou ainda de alguns fatores que foram essenciais para o crescimento do empreendedorismo em 2019, como a criação da Empresa Simples de Crédito (ESC), que possibilita às micro e pequenas empresas adquirirem empréstimos com juros baixos e com menos burocracia; a regulamentação do Selo Arte, que garante a comercialização, em todo o país, de produtos alimentícios de origem animal produzidos artesanalmente; além da Lei da Liberdade Econômica, que desburocratiza a abertura e gestão de empresas, trouxe mais confiança para quem quer empreender.
Brasil – Os pequenos negócios terminaram o ano com um saldo de 731 mil postos de trabalho, número 22% acima do registrado em 2018.  Já as médias e grandes empresas encerram o ano com um saldo negativo de 88 mil vagas, quase o dobro do registrado em 2018.
Fonte: https://www.paraibaradioblog.com/



                                                                                       

Share to Facebook Share to Twitter Share to LinkedinStumble It Share to Google Buzz Mais...

veja também

0 comentários em: "Geração de emprego nos pequenos negócios cresce 40% e Eduardo defende incentivos para setor"

Deixe um comentário!

Publicidade how to make gifs

Últimas Notícias

Todos os direitos reservados.