Opinião: João Azevêdo e Eduardo Carneiro e a sábia decisão

 



                                


                                




Às vezes é necessário dar um passo atrás, pegar impulso, para conseguir saltar dois à frente. Nas eleições desse ano, ainda na pré-campanha eleitoral em João Pessoa, alguns agentes políticos seguiram essa máxima. Conseguiram olhar adiante, projetar o futuro, e tomar decisões acertadas em suas trajetórias políticas.

Um deles é o governador João Azevêdo (Cidadania), que apesar de ter a oportunidade de lançar candidatura própria para prefeitura da Capital em um momento que ele e seu partido estão em franca ascensão, sabiamente renunciou a essa possibilidade para depositar seu apoio ao nome de Cícero Lucena.

O outro é o deputado estadual Eduardo Carneiro, presidente estadual do PRTB, que abdicou da candidatura própria, em plena pré-campanha, para seguir o mesmo caminho que o governador, ainda no primeiro turno do pleito.

Os dois agentes políticos, com dois partidos nas mãos – Cidadania e PRTB – ponderaram e apontaram para uma só decisão.

Não deu outra! A união de forças mostrou resultados. É sabido que no jogo político o cada um por si não prospera.

Para vencer é preciso não apenas ter adesões, mas, sobretudo qualidade nessas aquisições.

João Azevêdo e Eduardo Carneiro mostraram que juntos, na mesma aliança, formam uma boa equipe. Somaram na vitória de Cícero ao emprestar Cidadania e PRTB para o projeto Progressista e cresceram politicamente como agentes articuladores, estrategistas e, acima de tudo, com visão de futuro.

Os dois conseguiram no agora olhar o além com jogadas dignas de políticos com a expertise necessária para tocar os próximos passos em um momento que exige da classe política projeções eficazes no cenário de pandemia.

Nessa eleição não apenas Cícero sai vencedor, o governador João Azevêdo e o deputado estadual Eduardo Carneiro também têm muito o que comemorar.

Acertaram desde o começo, atraíram novas parcerias, engordaram a base e solidificaram um projeto quando pensaram, projetaram e acreditaram que o resultado da união seria, como se comprovou, exitoso.

 

Márcia Dias

Fonte: PB Agora






                                                                                 

Share to Facebook Share to Twitter Share to LinkedinStumble It Share to Google Buzz Mais...

veja também

0 comentários em: "Opinião: João Azevêdo e Eduardo Carneiro e a sábia decisão"

Deixe um comentário!

Publicidade how to make gifs

Últimas Notícias

Todos os direitos reservados.